Carregando ...

Praça da Catedral, s/nº - Centro - CEP: 13400-150 - Piracicaba-SP

(19) 3422-8489
Pastoral dos Ministros Extraordinários da Eucaristia

Pastoral dos Ministros Extraordinários da Eucaristia

Jesus diz: «Eu sou o pão vivo descido do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente […] Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna […], permanece em Mim, e Eu nele» (Jo 6, 51.54.56).  [CIC 1406].

Os sinais essenciais do sacramento eucarístico são o pão de trigo e o vinho da videira, sobre os quais é invocada a bênção do Espírito Santo, e o sacerdote pronuncia as palavras da consagração ditas por Jesus durante a última ceia: «Isto é o meu corpo, que será entregue por vós… Este é o cálice do meu sangue…».  [CIC 1412].

A sagrada Comunhão do corpo e sangue de Cristo aumenta a união do comungante com o Senhor perdoa-lhe os pecados veniais e preserva-o dos pecados graves. E uma vez que os laços da caridade entre o comungante e Cristo são reforçados, a recepção deste sacramento reforça a unidade da Igreja, corpo Místico de Cristo. [CIC 1416].

Após o Concílio do Vaticano II (1962-65), o Papa Paulo VI autorizou a instituição dos Ministros Extraordinários da Eucaristia (MECE), fiéis leigos cuja missão é facilitar aos celebrantes a distribuição da Sagrada Comunhão em igrejas, capelas, hospitais, aos doentes nas casas e outros lugares, desde que o sacerdote não possa fazer isso

Este ministério sagrado deve ser exercido por leigos que tenham uma vida cristã autêntica, sejam maduros na fé, e possam servir a Igreja. Além disso, o MECE deve ensinar e viver o que a Igreja ensina, especialmente em relação à Eucaristia e as condições para recebê-la dignamente. Isto exige do Ministro que ele conheça a doutrina da Igreja, especialmente a fundamentação dogmática, moral e sacramental.

Atualmente, a Paróquia tem 59 Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística, que atuam junto à Catedral e às Capelas São Benedito, Aparecida e Divino. Existe uma escala fixa para participação dos ministros em todas as missas. Para as grandes celebrações, todos são convocados a estarem presentes e à disposição para as diversas atividades dentro da celebração.

Atribuições do Ministro Extraordinário da Eucaristia: Auxiliar os sacerdotes na distribuição da Eucaristia da Missa e em outras celebrações litúrgicas; distribuir a Eucaristia no Culto Dominical e nos Cultos nos dias Santos de Guarda e essencialmente levar e distribuir a Eucaristia aos doentes e idosos.

Quanto ao serviço de atendimento aos enfermos

Em conjunto com a Pastoral da Saúde, os ministros da Catedral atendem inúmeras pessoas idosas e doentes, residentes no território da Catedral e que não têm condições de se deslocarem até a igreja para participar da santa missa. Os ministros levam a Eucaristia e também levam uma palavra de esperança, carinho, amor, afeto, que são muito importantes para essas pessoas. Atualmente a pastoral é coordenada por três casais Romualdo e Fernanda, André e Seni e Francisco e Mônica.